Porto Wordpress Theme

Lua – Tarô Mitológico

Back to Blog
Categoria: Blog, Oráculos, Tarô Tags: , , , , Data: março 4, 2019

Lua – Tarô Mitológico

 

No Tarô Mitológico, a Lua é representada por Hécate e seu cão Cérbero. Hécate era filha de Zeus e de Hera e despertou a ira de sua mãe ao roubar-lhe um pote de carmim. Ela fugiu  para a terra e esse contato a tornou impura e assim foi levada as trevas para ser purificada.  Nas trevas, ela tornou-se a Rainha Invencível, a deusa da magia e dos encantamentos. Enviava demônios para os homens em sonhos. Seu animal de estimação era Cérbero, o cão de três cabeças, guardião dos porões do Inferno. Ela é a deusa das encruzilhadas, dos cemitérios.

Hécate, assim como Perséfone, é uma deusa dos mortos. Mas enquanto Perséfone preside o encaminhamento das almas ao Hades, Hécate preside a aparição dos fantasmas dos mortos e sua comunicação.

No nível psicológico, Hécate, a deusa da Lua , representa as profundezas do inconsciente coletivo. Esse mundo é caótico, sem fronteiras.

Quando a carta da Lua surge em um jogo ou como resposta a uma pergunta, somos atirados a esse mundo transpessoal, onde os nossos limites estão diluídos, onde não sabemos quem somos, temos medo. Tudo fica confuso, incerto. Estamos no mundo do inconsciente e temos que esperar que as marés lunares se acalmem.

É por este motivo que a Lua dá medo. Nesse mundo lunar e fluídico muitas coisas acontecem ao mesmo tempo. Não temos certeza de nada, não temos controle, estamos a mercê de algo que não sabemos dar nome, no entanto, é necessário que atravessemos esse portal com foco, mesmo que seja difícil. O arcano menor nos dará pistas se devemos seguir adiante ou recuar.

Há uma diferença entre inconsciente pessoal e coletivo. O inconsciente pessoal consiste de coisas que foram reprimidas da consciência do indivíduo e o inconsciente coletivo pode ser entendido como uma herança a todos os seres humanos. Muitas vezes, inconsciente coletivo é definido como ‘todo patrimônio espiritual da evolução da humanidade nascendo de novo na estrutura do cérebro de cada indivíduo. O inconsciente coletivo vai além das barreiras culturais dos seres humanos e apresenta um traço comum a todos os seres humanos. Este é transmitido através da hereditariedade. Ele inclui experiências humanas universais como amor, ódio, medo, perigo, dor. É por este motivo que a carta da Lua é tão complexa, ela navega no inconsciente coletivo .

Em minhas experiências pessoais com este arcano, mesmo consciente do meu jogo, a Lua me domou. Senti medo, muitas coisas aconteceram aos mesmo tempo, mas eu não me esquecia do arcano menor que tirei nas minhas jogadas e eles foram fundamentais para que eu percorresse a travessia. Os arcanos menores foram a tocha de luz no terreno perigoso de Hécate. Com eles foi possível chegar ao mundo luminoso e a sensação foi de vitória. Vitória sobre mim mesma.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Blog
Enviar
Olá, em que posso ajudar?